Mais uma empresa da região busca a Engenharia de Produção para otimizar seus processos. Depois da Santa Casa de Prudente, Hospital Iamada e Agrojet, agora foi a vez da empresa Semenseed, que produz os produtos Agripet e Sementes Presidente, fazer uma parceria com o curso da Toledo Prudente. 
 
O coordenador do curso, Eduardo Turino, comemora esse convênio e afirma que essa é mais uma oportunidade para os alunos, já que vão poder praticar tudo que aprendem em sala de aula. 
 
“Entre as atividades que serão desenvolvidas lá estão levantamento de dados, como custos, mão de obra, maquinário, processos de trabalho, fluxo de produção e outros. Além disso, os alunos farão propostas de melhorias baseadas na situação atual da empresa propondo aumento na produtividade e redução dos cursos”, afirma Turino.  
 
A gestora de projeto da Semenseed, Fernanda Maehara (Foto 1), conta que em poucos dias já possível perceber os ganhos que a engenharia de produção trouxe para a empresa. “Somos uma empresa familiar que cresceu rápido e sem processos definidos. Chamamos a Toledo Prudente para nos ajudar na gestão, dados, processos e nos projetos”, disse. 
 
Fernanda conta ainda que conheceu o curso de Engenharia de Produção da Toledo Prudente, quando se matriculou para fazer uma disciplina do curso, e teve contato com a metodologia Black Belt. “Mesmo tendo feito engenharia civil e depois MBA em gerenciamento de projetos, estou tendo contato com conteúdos que ainda não tinha estudado”, disse. 
 
 
Você sabia? 
 
O curso de Engenharia de Produção da Toledo Prudente tem um grande diferencial. É o único no país que oferece a certificação Black Belt. O certificado da metodologia Lean Six Sigma dá ao profissional a especialização teórica e prática em Estatística Aplicada à Ciência de Melhoria, ferramentas da Gestão Estratégica e Gestão de Pessoas. Só a certificação online pode custar aproximadamente R$ 8 mil (Certificações Green Belt e Black Belt)