Nesta terça-feira (10), alunos do 8º termo do curso de Engenharia Civil da Toledo Prudente Centro Universitário deixaram momentaneamente a sala de aula para participar de uma atividade prática.

 
A visita técnica foi realizada em uma estrada municipal do município de Santo Anastácio e assim, onde os alunos tiveram a missão de contemplar as particularidades do local para inserção posterior no projeto geométrico. 
 
Entre os itens que não estavam contemplados no projeto estão minas, árvores, residências, curvas na pista e outros que só puderam ser percebidos por meio da avaliação presencial dos alunos no local, que é o objeto de estudo.
 
O professor Marcos Frois, que é o coordenador do curso, acompanhou toda a programação, que faz parte da disciplina de Estradas e Aeroportos.
 
“Em sala de aula, os alunos já iniciaram a produção de um projeto baseado em Estradas. Hoje eles terão a real percepção da importância da visita in loco do engenheiro civil, antes mesmo de iniciar uma obra de edificação, já que alguns itens podem interferir diretamente no projeto e só poderão ser verificados por meio da avaliação física do profissional no local”, explica o docente.
 
Durante a visita, o aluno Alexandre Pinheiro Garcia disse que o momento prático auxiliou no esclarecimento de pontos cegos do projeto e que esses foram possíveis percebidos graças à visitação e a observação dos alunos.
 
Pedro Roberto de Andrade Junior concorda e enfatiza que a proposta já tida desenvolvida em sala de aula recebeu complementação durante a visita técnica desta manhã de terça-feira (10).
 
“Só assim podemos perceber algumas variáveis que impactariam em nosso projeto e que agora, por meio da visita, temos os pontos esclarecidos para a finalização e a produção de um bom projeto geométrico. Estamos muito entusiasmados para concluir isso”, diz.