X

4 Anos

Noturno

50 vagas

R$ 775,40

(1º ao 8º termo)
* valor referente a 2018

Sobre o curso

Seja em um aplicativo de geolocalização ou de relacionamento, seja uma plataforma mobile para aumento de vendas para uma empresa local ou ainda a configuração de uma impressora 3D para criar peças mais rápidas para um automóvel, a tecnologia está inserida no cotidiano das pessoas e das empresas de modo que é difícil pensar a vida sem ela.

 

Mas afinal, o que é Sistema de Informação? O curso de Sistemas de Informação tem enfoque prático e visa capacitar seus alunos para atuar nas áreas de planejamento, análise, utilização e avaliação de Tecnologias da Informação aplicadas aos setores administrativos, empresariais, comerciais e industriais, em organizações públicas e privadas.


A procura de alunos por esse curso cresce a passos largos, na medida que a tecnologia se consolida como alicerce de uma vida prática e moderna das pessoas. Todos os dias, surgem novos aplicativos e plataformas e a necessidade humana evolui constantemente, a ponto de que haverá sempre algo novo para se criar ou aprimorar o que já existe.

 

Alicerçado em dois pilares, o curso de Sistemas de Informação da Toledo Prudente tem como objetivo formar profissionais com conhecimentos nas áreas de tecnologia e gestão, isso para que os alunos possam associar os conhecimentos de automação, desenvolvimento de software, eficiência de dados e comunicação, com condições de atuar em varias áreas da administração de equipes e projetos.

Mercado de Trabalho

Com a necessidade de tornar os sistemas de informação nas empresas cada vez mais automatizados e com os avanços da tecnologia que conquistam cada vez o ser humano, o mercado de trabalho para esse profissional é sempre muito promissor, seja no que tange as vagas, as empresas contratantes ou nos salários.

 

Com uma forma tecnológica, inovadora e empreendedora, a Toledo Prudente coloca no mercado de trabalho profissionais formados em sistemas com conhecimentos de ciências da computação, matemática e administração.

Esses profissionais estão aptos para criar, desenvolver, transformar e administrar sistemas de informações. São capazes ainda de inovar, planejar e gerenciar infraestruturas e fluxos de informação, configurar equipamentos, sistemas, aplicativos e programas de tecnologias de informações para solução de problemas empresariais e pessoais.

 

Depois de concluir o bacharelado em sistemas, basta escolher qual área você deseja atuar, afinal oportunidade não irão faltar, até mesmo de montar seu próprio negócio. Confira como o profissional de sistemas pode atuar:

 

Analista de Sistemas

Analista Desenvolvedor

Analista de Suporte

Analista de Negócios de TI 

Analista de Segurança em Tecnologia

Analista de Segurança da Informação

Gerente de TI

Gerente de Projetos

Coordenador de Sistemas

Consultor de Tecnologia e Informação

Profissional de Linguagem de Programação ou Programador

Programador Web

Administrador de Redes de Computadores

Administrador de Sistemas

Administrador de Banco de Dados

Diferenciais da Toledo Prudente

Desde 2009, autorizada pelo Ministério da Educação, Toledo Prudente oferece o curso de graduação em Sistemas de Informação e dispõe de estrutura para uma consistente formação do profissional. Tudo para potencializar a inovação e empreendedorismo dos alunos.

 

Do primeiro dia de aula até a conclusão do curso, os alunos têm a sua disposição recursos tecnológicos, tais como laboratórios, multimídia, internet, lousa digital, wireless, impressora 3D e Museu de Tecnologia, com um acervo de mais de 400 peças entre televisores, rádios, videogames e computadores.

 

Os quatro laboratórios de uso exclusivo dos alunos de Sistemas de Informação contam com especificações de hardware e software dimensionadas para melhor atenderem a natureza de cada disciplina do curso. Disponibilizam ainda recursos para análise e demonstração de organização e arquitetura de computadores, aplicativo de modelagem de dados, tecnologia e ferramentas para desenvolvimento de sistemas, tecnologia para banco de dados e redes de computadores, engenharia de software e outros.

 

Outro grande diferencial do curso de Sistemas de Informação é a robótica. Durante o curso, os alunos participam de duas competições entre eles, o Robô Game e o APP Game.

 

O “APP Game” consiste no desenvolvimento de um aplicativo para celular para controle de um robô, que será construído utilizando o controlador NXT e peças do KIT Lego. O projeto é desenvolvido na disciplina de Introdução à Computação.

 

Já o “Robô Game” trata-se de uma disputa de robôs autônomos, isto é, que funcionam sem interferência humana, desenvolvidos pelos alunos do segundo termo, aplicando conhecimentos de Lógica, Algoritmo e Programação, Hardware, Robótica, Sensoriamento, Eletrônica e Matemática, que estão na grade curricular de Sistemas de Informação, ou seja, disciplinas que os alunos verão durante os quatro anos e são pilares da Matriz Curricular do curso.

Perfil

Em um mundo onde as crianças praticamente nascem sabendo manusear os celulares e os idosos estão conectados aos principais aplicativos, o erro primordial é confundir paixão por tecnologia por aptidão em desenvolver tecnologia.

 

Os alunos que procuram o curso de Sistemas de Informação são aqueles que tem vocação por resolver problemas reais de empresas e pessoas, seja na otimização de um processo de produção até a automação do acender uma luz em casa pelo celular.

 

Esses estudantes já chegam na faculdade de Sistemas de Informação com um certo nível de conhecimento, afinal de contas, quem é nunca viu um tutorial no Youtube? Mas eles querem mais, desejam se aprofundar nas teorias e aprimorar as técnicas. Eles gostam de design, porque sabem que podem trabalhar com isso em aplicativos mobile e sites.

 

Em uma coisa todos são unânimes, o desejo de gerir equipes e processos.

 

Mas e as mulheres? Quando surgiram os primeiros cursos de graduação na área de tecnologia os homens ocupavam a maioria das vagas. No entanto, de acordo com o site Administradores, na última década, as mulheres começaram a ocupar as cadeiras universitárias e também estão em destaque no mercado de trabalho.

 

Poucos sabem, Ada Lovelace desenvolveu o primeiro algoritmo a ser processado por uma máquina. Grace Hopper foi a criadora daquele que é considerado o primeiro software de computador. A irmã Mary Kenneth Keller (sim, uma freira!) foi a primeira norte-americana a conseguir um PhD em Ciência da Computação e participou da criação da linguagem BASIC.

 

Outro grande exemplo do envolvimento da mulher com o mercado de tecnologia foi parar no cinema. O filme “Estrelas além do tempo” mostra uma equipe de cientistas da NASA, formada exclusivamente por mulheres, que foi o diferencial dos Estados Unidos na corrida espacial. Elas lideraram uma das maiores operações tecnológicas registradas na história americana e se tornando verdadeiras heroínas da nação.

Últimas notícias

últimas blog

Ver todas

corpo docente

nota enade

O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) avalia o rendimento dos alunos dos cursos de graduação, ingressantes e concluintes, em relação aos conteúdos programáticos dos cursos em que estão matriculados

O exame é obrigatório para os alunos selecionados e condição indispensável para a emissão do histórico escolar. A primeira aplicação ocorreu em 2004 e a periodicidade máxima da avaliação é trienal para cada área do conhecimento.

Valores Referentes a 2018

Período Termo Investimento
Noturno 1º ao 8º R$ 775,40
Disciplinas Termo C / H
Algoritmos I 1 60
Ambiente Web 1 60
Design Thinking I 1 30
Introdução à Computação 1 60
Lógica e Circuitos Digitais 1 60
Sistemas de Informação I 1 30
Algoritmos II 2 60
Ambiente de Programação 2 60
Aplicações para Web 2 60
Design Thinking II 2 30
Organização de Computadores 2 60
Sistemas de Informação II 2 30
Banco de Dados I 3 60
Empreendedorismo e Inovação 3 30
Estrutura de Dados I 3 60
Linguagens e Tecnologias de Programação Desktop I 3 60
Matemática Aplicada I 3 30
Sistemas Operacionais I 3 60
Banco de Dados II 4 60
Estrutura de Dados II 4 60
Linguagens e Tecnologias de Programação Desktop II 4 60
Matemática Aplicada II 4 30
Sistemas Operacionais II 4 60
Startup, Inovação e Negócios 4 30
Banco de Dados III 5 60
Engenharia de Software I 5 60
Estatística I 5 30
Linguagens e Tecnologias de Programação Web I 5 60
Metodologia do Trabalho Científico 5 30
Rede de Computadores I 5 60
Engenharia de Software II 6 60
Estatística II 6 30
Ética e Sociedade 6 30
Linguagens e Tecnologias de Programação Web II 6 60
Projeto Integrado de Sistemas I 6 60
Rede de Computadores II 6 60
Arquitetura Organizacional 7 30
Engenharia de Software III 7 60
Estágio Supervisionado I 7 150
Gestão de Tecnologia da Informação I 7 30
Linguagens e Tecnologias de Programação Web III 7 60
Pesquisa Operacional 7 30
Projeto Integrado de Sistemas II 7 60
Tecnologias Emergentes I 7 30
Estágio Supervisionado II 8 150
Gerenciamento de Projetos 8 60
Gestão Corporativa 8 30
Gestão de Tecnologia da Informação II 8 30
Linguagens e Tecnologias de Programação Mobile 8 60
Negociação e Processo Decisório 8 30
Projeto Integrado de Sistemas III 8 60
Tecnologias Emergentes II 8 30

Mario Augusto Andreta Carvalho

- Graduado em Ciência da Computação, pela Universidade do Oeste Paulista;
- Mestre em Ciência da Computação e Matemática Computacional, na área de Redes e Sistemas Distribuídos, pela Universidade de São Paulo – USP.
  É professor da Toledo Prudente Centro Universitário, desde 2001. Teve participação efetiva na implantação da Extensão Universitária na Instituição, atuando como Coordenador de Extensão de 2002 a 2004. Atua ainda, como Gestor de Projetos desde 2004 e assumiu em 2007 a gestão da implantação de novas tecnologias educacionais na Instituição, coordenando as atividades do Toledo Portal Universitário.

Horário

de atendimento

agende um horário

  SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA
Manhã 10:00 - 12:00 10:00 - 12:00 10:00 - 12:00 10:00 - 12:00 10:00 - 12:00
Tarde 14:00 - 17:00 14:00 - 15:00 14:00 - 17:00 14:00 - 17:00 -
Noite - - - - -

Sistema de Avaliação de Aprendizagem

Frequência escolar
É condição para aprovação do aluno, a sua presença a pelo menos 75% (setenta e cinco por cento) das aulas e às demais atividades programadas. É vedado ao aluno o abono de faltas, salvo nos casos previstos em lei.
 
Aproveitamento escolar
O aproveitamento do aluno, no semestre, será aferido por meio de uma prova, individual e escrita,  expressa em nota com grau numérico variando de zero a sete mais a pontuação referente a outras atividades, a critério do professor,  valendo de zero a três, perfazendo um total de dez pontos, ou seja,  
Prova de 0 a 7,0 + atividades (0 a 3)
 
Critério de aprovação
Será aprovado o aluno que obtiver aproveitamento (nota da prova+atividades), no semestre,  igual ou superior a 7,0 (sete) e freqüência mínima de 75%. 
 
OBS:1) É promovido ao termo seguinte o aluno aprovado em todas as disciplinas cursadas, admitindo-se ainda a promoção com dependências.   
         2) Caso o aluno não atinja a nota 7,0 (sete) , no semestre, deverá se submeter a exame final conforme segue:
 
Exame final
O aproveitamento do exame final será expresso em nota com grau numérico variando de zero a dez.
O aluno com freqüência igual ou superior a 75% (setenta e cinco por cento) e com nota de aproveitamento, no semestre, entre 3,0 e 6,99,  deve submeter-se a exame final. A nota mínima para aprovação no exame será  a média 5,0 (cinco), resultante da média aritmética entre o aproveitamento do semestre (nota da prova +atividades) e o exame final, considerada a média de aproveitamento final.
 
Aluno aprovado
Exemplo: Nota da prova+ atividades,  no semestre= 6,0 (seis) 
                 Nota do exame final                               = 4,0 (quatro)
                 Total                                                       =10,0 : 2= média 5,0 (cinco) 
 
Média final = 5,0 (aprovado com a média mínima) 
 
Critério de reprovação
1) Independentemente dos resultados obtidos pelo seu desempenho, será considerado reprovado na disciplina o aluno que não tiver comparecido a pelo menos 75% (setenta e cinco por cento) das aulas e demais atividades.
 
2) Será considerado reprovado o aluno que obtiver aproveitamento (nota da prova + atividade), no semestre,  inferior a 3,0 (três).
 
3) Será considerado reprovado o aluno que, tendo realizado o exame final, não conseguir média cinco, nota mínima exigida para aprovação com exame final.
Exemplo: Nota da prova + atividades, no semestre = 6,0  (seis)
                 Nota do exame final                                 = 2,0   (dois)
                 Total                                                          = 8,0 : 2= 4,0 (quatro)                   
 
Aluno reprovado: Média final = 4,0 (não obteve média final mínima de 5,0, após a realização do exame final).
 
Prova repositiva
Ao aluno que deixar de comparecer a prova (0-7,0), é permitida a realização de uma prova repositiva de cada disciplina, por semestre, valendo de zero a 7,0 (sete),  desde que requerida dentro do prazo de 5 (cinco) dias úteis antes da sua realização, que ocorrerá ao final de cada  semestre letivo. A nota obtida nas atividades  (0-3,0) deverá ser somada nesse momento. 

 

APRESENTAÇÃO

De acordo com o Art. 1º da RESOLUÇÃO PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Nº 02 DE 28 DE JUNHO DE 2017:

 

Compreende-se como atividade complementar dos cursos de graduação do CENTRO UNIVERSITÁRIO ANTÔNIO EUFRÁSIO DE TOLEDO DE PRESIDENTE PRUDENTE, toda e qualquer atividade não incluída nas práticas pedagógicas previstas no desenvolvimento regular das disciplinas da matriz curricular do curso, desde que adequadas à formação acadêmica e ao aprimoramento pessoal e profissional do futuro formando. 

 

 

Estão sujeitos ao cumprimento das Atividades Complementares todos os discentes, devidamente matriculados, como condição para a obtenção de aprovação final no curso e colação de grau. (RESOLUÇÃO PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Nº 02 DE 28 DE JUNHO DE 2017, art. 7º). Cada curso estabelece uma carga horária mínima a ser acrescentada à carga horária sub-total, conforme o quadro a seguir:

 

Curso

Carga horária

Administração

300h

Arquitetura e Urbanismo

180h

Ciências Contábeis

300h

Direito

280h

Engenharia Civil

180h

Engenharia de Produção

180h

Gestão Financeira

100h

Marketing

100h

Serviço Social

240h

Sistemas de Informação

300h

 

As atividades Complementares deverão ser realizadas nas seguintes modalidades:

• Ensino;

• Pesquisa;

• Extensão.

 

Somente são objeto de pontuação as atividades constantes nos itens apresentados na Tabela de Atividades Complementares. Para obter informações mais específicas, consulte a tabela de seu curso:

 

Administração;

Arquitetura e Urbanismo;

Ciências Contábeis;

Direito;

Engenharia Civil;

Engenharia de Produção;

Gestão Financeira;

Marketing;

Serviço Social;

Sistema de Informação.

 

Não serão computadas as atividades realizadas em período anterior ao início das aulas do 1º termo do curso de graduação, bem como aquelas cumpridas no período em que o aluno estiver com sua matrícula trancada, ou inativo por qualquer outra razão. (RESOLUÇÃO PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Nº 02 DE 28 DE JUNHO DE 2017, art. 14º).

 

O atendimento aos alunos para consulta e esclarecimento de dúvidas será:

 

 

  • Às segundas, terças e quartas-feiras, das 08h às 12h e das 13h às 17h (c/ Mariana Custódio);
  • Às quintas-feiras, das 08h às 13h (c/ Mariana Custódio);
  • Às sextas-feiras, das 12h30 às 16h30 e das 17h30 às 21h30 (c/ Mariana Custódio);
  • Aos sábados, das 09h às 12h (c/ Mariana Custódio).
  • De segunda à sexta-feira: das 18h00 às 22h00 (c/ Fernanda Oliveira – Secretária de Coordenação de Cursos).

 

 

Fone: (18) 3901-4000/(18) 99693-8222  – Ramais: 3989 (segunda e quinta-feira: ramal 3935 ) - Mariana Custódio ou 3916 - Fernanda Oliveira

e-mail: pos.analista@toledoprudente.edu.br

Coordenadora de Atividades Complementares: Mariana Custódio

Autorização: Portaria nº 470, de 27 de junho de 2008, publicada no D.O.U. de 30 de junho de 2008.
Reconhecimento:  Portaria n° 213, de 17 de maio de 2013, publicada no D.O.U. de 21 de maio de 2013.
Renovação de Reconhecimento: Portaria nº 1091, de 24 de dezembro de 2015, publicada no D.O.U. de 30 de dezembro de 2015.

Depoimentos Alunos