Aconteceu nesta quarta-feira (28), a II Mostra de Empreendedorismo e Inovação na Toledo Prudente. O evento faz parte do calendário do ETIC – Encontro Toledo de Iniciação Científica, que neste ano atraiu alunos, professores e pesquisadores de diversas área. 
 
Entre os seis grupos que apresentaram soluções tecnológicas e empreendedoras, o grupo formado por quatro alunos curso de Marketing da Toledo Prudente venceu a competição e com isso eles ganham o convite para participar da “Silicon Valley Conference”, em São Paulo, no próximo dia 7. 
 
O Silicon Valley Conference é o maior evento de inovação e futuro já feito no Brasil sobre o Vale do Silício. Ele abordará temas como carros autônomos, drones, longevidade, inteligência artificial, impressora 3D, internet e outros assuntos. 
 
O grupo vencedor, que é formado por Aline dos Santos, Luan Mendonça, Luiz Alberto Júnior e Tiago dos Santos, criou e apresentou um aplicativo de celular que é capaz de fornecer informações importantes aos usuários do transporte público de Presidente Prudente. Entre os benefícios proposto pelo aplicativo estão informar o percurso do veículo, horários de saída, quantidade de assentos disponíveis, a localização exata do ônibus na cidade e também efetuar recarga do bilhete da passagem. 
 
O projeto que recebeu o nome de “Our Bus”, tem a missão de proporcionar aos usuários do transporte público de Prudente mais comodidade, qualidade, satisfação e, inclusive, facilidade e agilidade, por meio de um aplicativo que será gratuito e de fácil acesso, disponível para sistemas operacionais de smartphones Android, iOS e outros.
 
O júri técnico da mostra foi composto pela reitora da Toledo Prudente, Zelly Pennacchi Machado, o diretor-presidente da Fundação Inova Prudente, José Vilmar de Lima, da For Space Coworking, Ricardo Tangerino de Souza e representando o Sebrae, Guilherme Soares da Silva. 
 
Além do júri técnico, houve também um corpo de jurados científico formado por professores do Centro Universitário. 
 
O grupo vencedor pretende seguir com o projeto e agora buscam recursos para disponibilizar o aplicativo para a população até março de 2018.