Alunos da Toledo Prudente Centro Universitário participarão da competição III Pré-Moot, da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, nos dias 13 e 14 de abril. Esta será a primeira edição com um prêmio no valor de R$ 5 mil para o vencedor. O evento funciona como uma preparação para a Competição de Julgamento Simulado do Sistema Interamericano de Direitos Humanos, em Washington (EUA), que ocorrerá de 20 a 25 de maio.

A Toledo Prudente foi convidada a participar e será representada por quatro alunos, em duas equipes: João Pedro Gindro e Guilherme de Oliveira Tomishima (Equipe 1) e Guilherme Sanchez e Lucas Bragato (Equipe 2). Os estudantes já apresentaram bons resultados. No ano passado, os alunos da equipe 1 venceram a competição de Julgamento Simulado da OAB/SP e a 2 chegou à semifinal.

De acordo com o coordenador de competições da Toledo Prudente, Lucas Octávio Noya dos Santos, a expectativa é conseguir o mesmo resultado da segunda edição. “O objetivo dessa competição é que os alunos tenham o contato com a prática, apliquem o conhecimento e conquistem capacidade argumentativa e oratória”, afirma.

O aluno do 9º Termo do curso de Direito, Guilherme de Oliveira Tomishima, participa do Grupo de Estudos do Sistema Interamericano de Direito Humanos (GESIDH) da Toledo Prudente. Ele conta que a equipe se prepara para a competição com encontros diários, inclusive nos finais de semana. “Estudamos o caso hipotético, elaboramos teses e treinamento da defesa oral. Nosso objetivo é ter uma preparação para a competição em Washington, além de colocar em prática nossa argumentação. Na Pré-Moot da UFPR poderemos ver o nível de outros grupos e analisar eventuais teses”, afirma.

Guilherme Sanchez, estudante do 3º Termo do curso de Direito, participará da competição com a Equipe 2. Ele frequenta o Grupo de Estudos do Sistema Interamericano de Direitos Humanos (GESIDH), o Grupo de Estudos Avançados de Direitos Humanos (GEADH), o Grupo de Estudos de Direito Internacional Constitucional (GEDIC) e o Grupo de Estudos "Studies on Public/Private International Law" (STOPPIL), da Toledo Prudente. Ele conta que a preparação para a competição ocorre em duas etapas: a prática, que envolve sustentações orais, e a teórica, que se relaciona com a busca por casos que envolvam o assunto da competição, documentos e embasamento em tratados internacionais. “A preparação se baseia na complementação das duas formas, a teoria é sempre o fundamento para a questão prática”, completa.

Para Sanchez, a III Pré-Moot da UFPR, é a de mais alto nível entre as que ele já participou. “Apesar das dificuldades e desafios que a competição e os Moots em geral proporcionam, a expectativa é de que a experiência obtida durante a competição seja de grande importância tanto para o futuro acadêmico e prática profissional, quanto para a vida pessoal”, comenta.

Alunos da Toledo Prudente podem participar da III Pré-Moot como observadores. Os interessados podem procurar a coordenação de competições da Toledo Prudente para realizar a inscrição ou ainda enviar um email para coord.competicoes@toledoprudente.edu.br.